Resumo Chat BRELT: De “monitoring” a “mentoring”: porque e como? (06/07)

Muito obrigada a Priscila Mateini (http://www.facebook.com/pmateini?fref=ts) e ao Ramon Silveira (http://www.facebook.com/ramon.silveira.777?fref=ts)

http://linoit.com/users/pmateini/canvases/%23BRELTCHAT%3A%20

O nosso chat como sempre foi agradável e muito frutífero. Além da nossa querida moderadora Raquel de Oliveira, Valeria Benévolo França e entre outros companheiros que participaram como: Roseli Serra, Silvia Gubert, Nina Ridd, Marina Macedo, Adriane Dutra, Shirley Rodrigues, Teresa Gomes de Carvalho e nós, Ramon Silveira e Priscila Mateini que fizemos esse resumo com muito carinho e dedicação e esperamos termos expressado através dele a qualidade de nosso papo no último dia 06 de Julho.

Já de inicio foi logo indagado: o que é Monitoring e Mentoring, muitos dos participantes expressaram sua opinião sobre o tema, usando as palavras: INTERVENÇÃO, INTERFERÊNCIA, COMPREENSÃO E FEEDBACK.

Nas nossas salas de aula, muita das vezes, fazemos esses dois papeis (Monitoring e Mentoring), sendo que o Monitoring está bem mais frequente na nossa realidade por termos que seguir os currículos e calendários letivos; para muitos professores a ideia de monitoring seria a grosso modo uma checagem de conteúdo, compreensão de como funciona a aquisição dessa língua, interferência e o fator psicológico é bem mais evidenciado por conta da exposição desse aluno.

Por outro lado, o Mentoring para muitos de nós possui pontos bem mais positivos, como a facilidade de interação com o aluno, seja num bate-papo produtivo na sala de aula ou num feedback de um exercício, guiando-os para o próprio desenvolvimento (seja por indução ou associação do conteúdo aprendido), uma vez que não pode haver interferência na concentração do aluno. A interação professor x aluno em aulas particulares (one-to-one) será mais evidenciada a questão dos afetos e desafetos.

Com isso, foi colocada em questão se possuíamos diretrizes em como monitorar, se algo intuitivo, institucional e se ocorre reuniões de troca de experiências com outros professores. A principio foi levantado o aspecto estrutural da sala de aula, para que haja o monitoramento básico, as salas precisam estar arrumadas de forma que o professor possa monitorar seus alunos; outro ponto, a realidade do professor está mais para monitor do que mentor, porém, muitos de nós por conta própria já fazem o papel de Mentor em nossas salas de aula (apoiando e dando suporte a alguns alunos que nos procuram); e último ponto que foi colocado, os Encontro Pedagógicos, onde é situações ocorridas em aula são discutidas e também a troca de idéias para aprimorar a qualidade do ensino. Esses encontros podem ser bem produtivos, que podem ocorrer uma vez ao mês ou até mesmo virtualmente.

Para finalizar, esse tema é bem abrangente e atual, existem vários artigos, blogs e livros sugeridos pelos participantes.

Referencia bibliográfica:

Newmark, L. (1966). How not to interfere with language learning. Reprinted in Brumfit, C., and Johnson, K. (Eds.) Newmark, L. (1966).
How not to interfere with language learning. Reprinted in Brumfit, C., and Johnson, K. (Eds.) (1979).
The Communicative Approach to Language Teaching. Oxford: Oxford University Press.
Stevick, E. W. (1976). Memory, Meaning & Method: Some psychological perspectives on language learning. Rowley, MA.; Newbury House

Os links compartilhados foram:
http://scottthornbury.wordpress.com/2011/08/07/n-is-for-not-interfering/
http://www.facebook.com/l.php?u=http%3A%2F%2Fscottthornbury.wordpress.com%2F2011%2F08%2F07%2Fn-is-for-not-interfering%2F&h=oAQHb2mUI
http://roseliserra.blogspot.com.br/
http://linoit.com/users/pmateini/canvases/%23BRELTCHAT%3A%20

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s